Dicas de Construção

Mini guia do Drywall: tudo sobre esse material

mini-guia-do-drywall-casa-do-serralheiro

O Drywall é um material muito utilizado no exterior e pouco a pouco está ganhando o seu espaço dentro do Brasil. Porém, seu uso ainda é pequeno, principalmente pela falta de conhecimento sobre o quanto esse material é bom.

Aliás, existe uma certa “crença” a respeito do Drywall que é completamente falsa, apontando-o como um material pouco durável e de baixa resistência.

Para desmistificar esse tipo de pensamento nós vamos explicar para você tudo sobre o Drywall, de modo que seja possível ter uma visão mais clara a respeito dele. Confira:

O que é o Drywall?

O Drywall foi criado em 1898 e é um termo usado para descrever um sistema de construção a seco, que praticamente não utiliza água para ser colocado em prática. Isso acontece porque o material já vai prontinho para a obra, tornando elementos como argamassas e outros materiais totalmente descartáveis.

O sistema é baseado na elaboração de chapas de gesso natural que são revestidas e instaladas nos mais diversos imóveis.

Como funciona o sistema drywall

As chapas de gesso natural são instaladas nos imóveis sempre levando em consideração suas características. Isso porque diferentes construções podem necessitar de chapas diferentes. De modo geral, todas elas são feitas de gesso natural e revestidas com duas lâminas de cartão duplex. 

Por mais que o gesso tenha uma aparência “frágil”, é preciso levar em conta que junto do cartão ele possui uma resistência muito grande a tração. Isso torna-o mais adequado para ser usado nos imóveis.

Também são utilizados perfis de aço galvanizado e outros elementos para que haja a máxima garantia de eficiência e segurança.

Mitos sobre o Drywall

Veja a seguir alguns dos principais mitos a respeito do Drywall sendo explicados:

 

A resistência do Drywall

Por mais que o material do Drywall não seja considerado por muitos como algo resistente, seus fabricantes garantem que ele resiste tranquilamente a tremores, choques e vibrações.

Além disso, você pode instalar portas em uma estrutura de Drywall, por exemplo, e ela não irá ser prejudicada de modo algum.

De qualquer maneira, todo o sistema de Drywall que está sendo comercializado foi aprovado nos mais rigorosos testes e cumpriu as exigências da ABNT. Dessa forma, sua resistência é mais do que garantida.

A relação do Drywall com a umidade

Dependendo do local onde for utilizado, o Drywall pode sim sofrer com a umidade. Então, é muito importante ter isso em mente, pois caberá a você fazer a melhor escolha a respeito da sua alocação.

Colocá-lo em áreas internas costuma ser a melhor opção, enquanto áreas como telhados ou lajes devem ser evitadas a todo custo.

Todavia, é preciso levar em conta também que existem chapas de Drywall feitas especificamente para ambientes mais úmidos. Assim como também é possível realizar a impermeabilização da estrutura para garantir que o Drywall não sofra com a umidade.

Isolamento térmico e acústico do Drywall

O Drywall oferece tanto o isolamento térmico quanto o isolamento acústico, o que por si só é algo excelente.

Além disso, também é possível incluir entre as chapas de gesso materiais como lã de rocha ou lã de vidro. Isso para que assim os sons sejam ainda mais isolados e a temperatura possa se manter constante.

Uso do Drywall

O Drywall pode ser usado das mais variadas formas, principalmente por ser extremamente versátil.

Por exemplo, ele pode ser usado para esconder tubulações, engrossar paredes, cobrir aberturas e reparar erros. Isso sem contar também a sua utilização em conjunto com móveis.

Custos do Drywall

O Drywall possui um ótimo custo, principalmente por ser facilmente instalável. Dessa forma, diminui-se o seu tempo de execução em relação a outros elementos construtivos, como à alvenaria.

A quantidade utilizada de Drywall pode ser definida com muita facilidade, o que acaba auxiliando no corte de custos na construção. Afinal de contas, sabendo exatamente o que você precisa comprar, não é necessário adquirir mais chapas do que o necessário.

Em outras palavras, ao construir com o Drywall você estará sim economizando muito dinheiro. Além disso, poderá contar com uma estrutura mais simples de se trabalhar e que vai otimizar toda a obra.

Principais vantagens no uso do Drywall

Para finalizar, gostaríamos de lhe mostrar os principais diferenciais no uso do Drywall. Certamente elas poderão te auxiliar a optar por fazer o uso desse sistema construtivo ou não.

Veja a seguir quais são essas vantagens que somente o Drywall pode te oferecer:

O desperdício é reduzido significativamente

Conforme foi mencionado anteriormente, a construção realizada com o Drywall é mais simples do que a de alvenaria. Isso porque as quantidades que vão ser utilizadas podem ser calculadas mais facilmente.

Além disso, não é necessário investir na compra de cimento, argamassa e outros elementos. Portanto, isso também ajuda a reduzir os desperdícios que envolvem o processo da construção.

Outra consequência direta desse sistema enxuto é que você não vai precisar gastar tanto com entulhos, já que em média o desperdício não passa de 5% do total de materiais que são utilizados.

Vale ressaltar que todo o entulho gerado pelo Drywall pode ser reciclado, o que facilita ainda mais a sua vida.

A construção acontece mais rapidamente

Para você ter ideia, dois profissionais são capazes de juntos produzir cerca de 30m2 de Drywall. Assim, em apenas duas horas de instalação já vai estar totalmente pronto para receber o acabamento desejado.

Não há nem como comparar isso ao sistema tradicional de construção, onde pode-se levar meses para conseguir deixar a obra totalmente pronta, principalmente por conta do trabalho ser bem mais complexo.

De qualquer maneira, a velocidade da construção afeta diretamente o seu bolso. Isso porque são menos dias em que os profissionais vão ter de trabalhar para deixar o Drywall perfeitamente instalado.

O material é super leve

Trabalhar com os materiais tradicionais da Construção Civil é algo relativamente complicado, pois todos eles costumam ser bem pesados.

O profissional acaba precisando carregar sacos de cimento, cal, tijolos e demais materiais que devido ao seu peso atrasam a produtividade da obra.

Já as chapas de Drywall oferecem um peso 6x menos para uma parede, o que não somente facilita a vida de quem está trabalhando como também interfere diretamente na estrutura do local.

Afinal, uma parede mais leve exige menos da estrutura do imóvel, o que gera uma garantia de segurança ainda maior.

A manutenção é muito simples

Quando uma parede está com um defeito geralmente é necessário quebrá-la, o que gera sujeira, poeira, muito barulho e um custo relativamente alto, pois além de quebrar será necessário reformá-la novamente.

Com as chapas de Drywall isso não acontece, pois a manutenção ocorre de um modo bem mais simples:

Tudo o que precisa ser feito é a remoção de uma ou mais chapas para que o problema possa ser solucionado. Uma vez que tudo esteja corrigido, basta apenas fazer a instalação novamente.

Sem sujeira, barulho e com um custo-benefício muito bom. O Drywall é um material realmente incrível.

Se você ainda não trabalha com o Drywall mas tem interesse em conhecer um pouco mais sobre esse sistema e este material, entre em contato conosco. Podemos te oferecer excelentes oportunidades para inovar na sua obra e trazer mais simplicidade, eficiência e um menor custo!

Na Casa do Serralheiro nós temos tudo para o seu projeto!

Siga nossas redes sociais! Lá temos promoções exclusivas e o entrega mais rápida da região.

Conheça nosso blog para mais dicas e compre online no nosso shop, temos atendimento virtual!

Voltar para a lista

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.