Dicas para Serralheiros!

Serralheria: dicas para aumentar sua produção

Três dicas para definir a capacidade produtiva de uma serralheria

A serralheria é o universo em que grande parte dos materiais feitos de alumínio e ferro passam. Para formar portas, janelas, corrimãos, esquadrias, grades e etc eles passam por processos de corte, soldagem e furação.

Ao nos depararmos com um produto acabado, independente de qual seja seu material, não pensamos no decurso que este mesmo produto passou até encontrar sua forma final.

Portanto o serralheiro tem, diante de si, muitos recursos. E nem por isso trata-se de uma profissão simples! Pelo contrário. Pois para o serralheiro há de se ter bastante técnica, empenho e criatividade na hora de se pôr diante de seu trabalho.

Trata-se de uma profissão deveras respeitável e que muitas vezes não possui o devido reconhecimento. Provavelmente por haver certo desinteresse por parte dos consumidores em relação ao processo que antecede o produto finalizado.

Com base nisso, encontra-se, a seguir, três dicas que poderão ajudá-lo a organizar e compreender a capacidade produtiva da serralheria. Deste modo, vamos esclarecer este universo para aquele que ou pretende aventurar nesse negócio, ou aquele que já deu seus primeiros passos.

Dica número 1: Número de colaboradores operando na serralheria

É natural que a cada mês a empresa receba uma demanda de produção diferente de determinado produto ou objeto. No entanto, é necessário que o empresário possua um número de colaboradores capaz de cumprir a demanda de produção recebida de seus compradores.

O administrador deverá ter sensibilidade na hora de dividir os departamentos, de modo a impedir que um determinado setor fique sobrecarregado.

Então, se por exemplo a empresa recebe a demanda de produção de 5.000kg de determinado molde de metal por mês e 10.000kg de um outro metal, é necessário que exista discernimento. Principalmente por parte do empregador, em reajustar corretamente seu número de colaboradores. Isso vai ajudar a saúde de sua serralheria a manter-se estável e que o bem estar profissional de seus serralheiros se faça presente.

Dica número 2: Disposição de produção e planejamento na serralheria

Sabendo a importância do arranjo e da organização dos colaboradores, atentemos agora para o quão relevante é ter um bom planejamento. Além de uma boa disposição dos materiais de produção e também das ferramentas usadas em sua empresa.

É bem sabido que, além da técnica, do empenho e da criatividade, o serralheiro deverá estar bem equipado. Tanto no que se refere à segurança, quanto no que se refere às ferramentas de produção.

A serralheria, por lidar com processos de corte, soldagem, etc., possui um cotidiano possivelmente perigoso para o colaborador que está desprotegido. Portanto, é necessário que os serralheiros tenham todo equipamento de segurança necessário. Assim, ele poderá desempenhar suas atividades sem maiores riscos à sua saúde física.

Isso também faz parte do planejamento da empresa. Porém, além disso, é necessário que o empregador se atente também para outros fatores. Como cálculo de materiais, para a demanda acordada com os clientes e para a disposição que escolheu atribuir à sua serralheria.

Elementos que parecem não ter tanta importância, podem adotar uma relevância maior quando pensados melhormente e dado a sua devida atenção. Nesse sentido, é preciso ter diálogo com os funcionários e ouvi-los para saber como fazê-los render mais, sem prejudicá-los.

Sendo assim, realocar geograficamente cada setor, de modo a estabelecer uma intercomunicação entre eles e facilitar me agilizar a produção poderá ser bastante benéfico para o andamento de sua produção.

Dica número 3: Tipos e quantidade de produtos

A tecnologia evolui diariamente e, com isso, nossa relação com ela também há de evoluir. Todos os domínios da sociedade têm se modernizado ao longo das décadas. No âmbito da arquitetura não poderia ser diferente.

A modernização pode requerer um produto mais sintético, simples, ou minimalista. Ao mesmo tempo  algo esteticamente mais elaborado, ou seja, mais complexo. Portanto, cabe à mentalidade da empresa estar sempre em acordo com os movimentos modernizantes da sociedade.

Dessa forma, a serralheria vai poder atender às demandas dos clientes com maior propriedade.

Isso se dá para todos os materiais e qual o propósito que será aplicado à sua forma final. Sendo assim, um determinado metal pode requerer um acabamento diferente dos costumeiros.

Ou ainda, uma esquadria, por exemplo, poderá adquirir uma forma moderna e que a empresa não está habituada a trabalhar. Aí entra a atenção e sensibilidade do empregador e dos colaboradores para com o mercado e suas constantes mudanças.

Conclusão:

As três dicas encontradas acima não resumem o universo da serralheria e o quão engenhoso é o trabalho dos serralheiros. A tentativa do texto foi, por meio delas, mostrar alguns aspectos importantes que se deve atentar quando diante da iniciativa de se inserir neste universo produtivo e também criativo.

Para finalizar, vale lembrar que o serralheiro não tem vida fácil! E devido a isso, pela sua importância social e também pela sua qualidade profissional devemos valorizar seu trabalho e procurar ver a vida e o empenho que há por trás de cada objeto e cada material quando estes alcançam sua forma final.

Esperamos que esse artigo possa te ajudar de alguma forma! Para mais dicas como essa, acesse nosso blog clicando aqui! Não deixe de conhecer nossa loja online!

Voltar para a lista

One thought on “Serralheria: dicas para aumentar sua produção

  1. Jeremias disse:

    Excelente! Ótimos profissionais e boa qualidade dos produtos é fundamental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.